MORHAN Sobral busca apoio das escolas municipais na luta contra a hanseníase

MORHAN Sobral busca apoio das escolas municipais na luta contra a hanseníase

Mais do que atuar junto às unidades de saúde do município, o Movimento Nacional das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (MORHAN), núcleo Sobral, vem buscando outros espaços para divulgar informações na luta pela eliminação desta doença milenar, inclusive com relatos bíblicos.Para Jocilânio Neves, presidente do núcleo do MORHAN em Sobral, o envolvimento com a educação é algo fundamental, “As escolas são pontos fortes de mobilização numa comunidade, essas atividades nas escolas tem mais facilidade e penetração, acreditamos muito nesta parceira e num impacto maior”. Recentemente o movimento se integrou nas atividades de um trabalho inovador, o Programa Palavra de Criança, uma iniciativa da UNICEF e que contempla como projeto piloto dois municípios do país, Sobral e Teresina. De acordo com a professora Iracema Sampaio, da Secretaria de Educação de Sobral e que coordena o trabalho no município, o “Palavra de Criança” tem por objetivo qualificar o acompanhamento dos pais na vida escolar dos alunos do terceiro ano, com diversas atividades sensibilização promovidas professores e diretores.É justamente nestas atividades que o MORHAN busca um espaço para divulgação de sua causa. No Programa, cada escola municipal apresenta seu planejamento, e em três delas, Maria do Carmo Andrade, Padre Palhano e Iêda Frota, o movimento foi recebido pelos diretores das escolas para participar de um dos momentos de sensibilização, ocorrido dia 20 de setembro.Na escola Iêda Frota, que tem como Coordenadora Pedagógica e também integrante da diretoria do MORHAN/Sobral, professora Ângela Silva, o movimento realizou atividades educativas, oferta de serviços sociais e uma grande sensibilização sobre a hanseníase, atividades também realizadas nas escolas Maria do Carmo Andrade e Padre Palhano.O MORHAN SobralEm Sobral, movimento foi fundado em outubro de 1999 e atualmente conta com 16 membros. Com um cronograma bem elaborado de todas as suas ações, a entidade possui programação bem estruturada com produção de relatórios anual e mensal, onde promove em torno de 10 palestras mensais, campanhas de cidadania e atividades educativas em locais públicos. Um dos aspectos considerados fundamentais pela diretoria do movimento é a capacitação de seus membros, assim, a equipe já planeja participar do 11º Congresso Brasileiro de Hansenologia, que acontece de 24 a 26 de novembro de 2008, em Porto Alegre. “A idéia é colocar quanto mais membros possível, pois nosso núcleo fica mais fortalecido”, reforça Jocilânio Neves, lembrando que no último congresso, 11 pessoas de sobral participaram do evento. As pessoas que estiverem interessadas em conhecer o MORHAN, solicitar visita ou participar como voluntário pode entrar em contato pelo fone (88) 8839 7049, ou procurar a sede do movimento na Rua Dr. Arimatéia Monte Silva, 71, Campo dos Velhos.Fonte: Site Correio da Semana